Empresa com mais de 20 anos de atuação conta com o apoio da CISP para exportação do arroz sulista

Segundo dados do Instituto Riograndense de Arroz (IRGA), o estado do Rio Grande do Sul responde por 70% da produção nacional de arroz.

Desde 1995, a Arrozeira Pelotas contribui para a manutenção desse cenário, ao atuar nos processos de produção, armazenamento, secagem, beneficiamento e exportação de arroz branco, parboilizado e integral. A empresa conta com três plantas industriais automatizadas que garantem um rigoroso processo de controle de qualidade dos grãos em larga escala.

A empresa foi reconhecida como a quinta maior beneficiadora de arroz do Rio Grande do Sul, no ano de 2016, também segundo o IRGA.

Do sul do Brasil para o mundo

A atual capacidade da empresa para o beneficiamento de arroz branco está em 12 mil toneladas, enquanto a capacidade para o arroz parboilizado fica em 125 mil toneladas. Há centros de distribuição logística estrategicamente posicionados em diferentes locais do País, com o objetivo de facilitar o escoamento dessa produção. 

A Arrozeira Pelotas adquire seus grãos exclusivamente de produtores de seu estado, garantindo parcerias sólidas que garantem a exportação do arroz produzido no Rio Grande do Sul para países da América Latina, América Central e África.

Além disso, a companhia é membro do grupo Brazilian Rice, composto pelas melhores empresas do mercado de arroz, e dedicado a promover comercialmente o arroz brasileiro e seus derivados no mercado internacional.

Menos burocracia e mais confiança

Os bons resultados são provenientes, em parte, do constante cuidado da Arrozeira Pelotas em preservar sua essência de empresa originalmente familiar.  A meta é continuar atendendo cada cliente com a mesma dedicação, proximidade e exclusividade características do início das operações, nos anos 90.

A empresa acredita que, dessa forma, permanece atuando com menos burocracia e gera mais confiança em suas relações com clientes e fornecedores. Para que isso seja possível, a possibilidade da troca de informações com outros associados da CISP tem sido bastante benéfica.

Segundo Juliana Irribarem, analista financeira, “a quantidade de empresas associadas à CISP garante uma gama muito grande de interações, o que foi um fator determinante na decisão de também nos tornarmos associados. E com certeza, a confiabilidade das informações, fornecidas pela CISP, por conta de seus rigorosos critérios no recebimento e processamento de dados também se mostrou como uma razão importantíssima para que integrássemos esse grupo”.

Juliana comemora os resultados positivos atingidos a partir do uso do banco de dados da CISP  na concessão de crédito, com destaque para a diminuição consistente da inadimplência dos clientes da Arrozeira Pelotas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s