Mercado reduz expectativa de inflação e projeta juros abaixo de 5% ao ano em 2019

Os economistas do mercado financeiro reduziram novamente a estimativa de inflação e, pela primeira vez, passaram a estimar que a taxa básica de juros terminará 2019 abaixo de 5% ao ano. As projeções constam no boletim de mercado conhecido como relatório “Focus”, divulgado nesta segunda-feira (30) pelo Banco Central (BC). O relatório é resultado de levantamento feito na semana passada com mais de 100 instituições financeiras.

De acordo com a instituição, os analistas do mercado financeiro baixaram a estimativa de inflação para este ano de 3,44% para 3,43%. Foi a oitava queda consecutiva nesse indicador.

Confiança de serviços tem maior nível desde fevereiro, diz FGV

A índice que mede a confiança de serviços subiu 1,7 ponto em setembro, para 94,0 pontos, maior nível desde fevereiro de 2019 (96,5), segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV).

“A confiança de serviços volta a avançar em setembro, encerrando o terceiro trimestre de forma positiva. A alta no mês foi resultado da continuidade de uma percepção positiva do volume de serviços no momento presente e também do otimismo com os próximos meses. Esse resultado sugere que a recuperação gradual do setor deve se manter nos próximos meses, apesar do patamar ainda baixo ”, analisa Rodolpho Tobler, economista da FGV IBRE.

Ipea mantém previsão de crescimento do PIB em 0,8% para 2019 ancorado em saques do FGTS e redução de juros

Enquanto o Banco Central aumentou de 0,8% para 0,9% sua previsão para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro neste ano, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) manteve em 0,8% sua estimativa de alta para a economia do país. Ambas projeções foram divulgadas no fim de setembro.

O PIB é a soma de todos os bens e serviços feitos no país, independentemente da nacionalidade de quem os produz, e serve para medir o comportamento da economia brasileira.

O crescimento previsto pelo Ipea está ancorado na expectativa de efeitos da liberação de saques do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) no consumo das famílias e de um ciclo de redução de juros.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s