Entenda como esse tipo de plataforma tem gerado resultados inovadores e movimentado bilhões em todo o mundo

Plataformas de gestão financeira costumam ser alvo de grandes debates em empresas de todos os portes, já que é delas que dependem grande parte dos processos essenciais para o bom funcionamento das operações. É nesse contexto que emergem as plataformas de open source, que tem se tornado uma pauta cada vez mais comum entre desenvolvedores de todo o mundo e permitindo o vislumbre de opções de alto desempenho com custos menores do que outras opções disponíveis no mercado.

Em suma, o termo open source designa um software que pode ser livremente acessado, modificado e distribuído, sem custo de aquisição ou uso. A ausência de investimento permite maiores liberdades para investimentos em customização e aperfeiçoamento, o que faz com que esse tipo de plataforma seja interessante aos olhos de empresas que precisam de soluções individuais, mas não pretendem arcar com a criação de um sistema completamente novo. Um dos modelos mais conhecidos de open source é o Linux, sistema operacional que ganhou força no Brasil nos anos 2000, quando representou uma alternativa às opções da Microsoft.

O caso de sucesso da plataforma Kafka
A história da plataforma Kafka começa com a rede social corporativa LinkedIn, que desenvolveu um sistema de uso interno para processar o alto fluxo de mensagens de que tratava diariamente. A ideia era desenvolver uma solução em que as mensagens pudessem ir em direções variadas em vez de seguir um fluxo mais limitado, o que os fez explorar um método de replicação de dados com um armazenamento intermediário. A estratégia aumentou a agilidade da transmissão e permitiu um volume muito maior de conteúdo, sendo uma opção extremamente interessante para lidar com big data. Em 2011, o código da plataforma tornou-se aberto e, de lá para cá, começou a ser utilizado no mundo todo, conquistando empresas como Netflix, PayPal, Spotify e Uber.  

Na gestão financeira, a grande sacada está na possibilidade de gerenciar quais funcionalidades são as mais interessantes para o contexto de cada empresa, algo que costuma ser mais engessado em softwares adquiridos com licenças do tipo padrão. Basicamente, a utilização das organizações costuma iniciar com a análise das opções disponíveis e com a escolha da plataforma mais adequada para as necessidades do cliente e com linguagem de programação mais acessível ou viável.

É nesse ponto que se iniciam as grandes possibilidades de obter resultados otimizados: tendo em mãos um sistema base de características essenciais conhecidas, é hora de envolver programadores e desenvolvedores para criar o produto perfeito para cada empresa. Como o software tem código aberto, ele pode ser analisado e modificado para mudar aquilo que não agrada, enquanto a incorporação de novas ideias e interfaces oferece tudo o que for preciso para completar a empreitada.

Um exemplo do sucesso do open source no setor financeiro é a maneira como tem ganhado força na categoria de softwares de ERP (Enterprise Resources Planning ou Planejamento dos Recursos da Empresa), que visam a integração de diversos setores da empresa. A Stoq é considerada a maior solução do setor e utilizada por gigantes do mercado nacional, como o Magazine Luiza. O Odoo é semelhante, mas tem a vantagem adicional de ser também um CRM (Customer Relationship Management ou Gestão de Relacionamento com o Cliente).

Estima-se que o setor movimente mais de 30 bilhões de reais por ano, além de acelerar processos de inovação e desenvolvimento tecnológico por meio de um viés colaborativo. O cenário de propensão de crescimento e investimento chama a atenção de empresas de todo o mundo, sendo uma boa ferramenta para empresas que têm interesse em possibilidades de personalização e inovação em suas plataformas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s